PREMIADOS CONVOCATÓRIA 2015

Durante 2 meses recebemos 1566 trabalhos fotográficos e 225 trabalhos multimídia de todo o Brasil e de várias partes do mundo como Alemanha, Argentina, Bangladesh, Chile, Colômbia, Equador, Espanha, Estados Unidos, Franca, Grécia, Irlanda, Itália, México, Peru, Polônia, Portugal, Turquia, Ucrânia, Uruguai, Venezuela.

O júri composto por Eduardo Saron [Itaú Cultural], Paulo Miyada, Ronaldo Entler [FAAP], William Silveira [Nikon], Iatã Cannabrava [Estúdio Madalena/ Paraty em Foco], Giancarlo Mecarelli [Galeria Zoom/ Paraty em Foco] teve a missão de escolher os melhores trabalhos de cada categoria.

 

Vemos os resultados:

O trabalho ganhador da Convocatória em Foco 2015, do fotógrafo venezuelano Jorge Luis Santos aborda a feminilidade e o imaginário religioso, e através da desconstrução do espaço e do corpo recria a mulher convertida em Deusa, ou talvez a Deusa encarnada como mulher.

“O trabalho não perseguiu a exaltação do erotismo humano. É, antes, a apresentação da sexualidade em comunhão com outros códigos e mensagens, como um legado de um desenvolvimento espiritual saudável. Neste sentido, o corpo é retrato nu da nossa essência natural e divina.”

Além dos ganhadores, o juri também nomeou mais dois trabalhos com menções honrosas em cada categoria.

Na Convocatória em Foco o segundo lugar foi para o trabalho This year's model do fotógrafo Japonês Go Itami, e o terceiro foi para Los Flores y las flores da argentina Cecilia Reynoso.

2º Lugar Go Itami [ this year's mode]

3º Lugar - Cecilia Reynoso [ Los flores y las flores]

O trabalho ganhador do Prêmio Paraty em Foco na categoria trabalho Fotográfico Intergalático de Guilherme Gerais, é definido por ele mesmo como "Ensaio literário visual", no qual as imagens se alternam sob uma ordem que pressupõe uma participação imediata do leitor/espectador: desde o início há o convite para um jogo, um desenlace, um desafio entre aquilo que é visto e aquilo que permanece. O ensaio também foi publicado como livro de mesmo título pela editora Avalanche.

O segundo lugar foi para o trabalho Gigantes do fotógrafo Diego Saldiva e o terceiro para O Vazio é um Espelho da fotógrafa gaúcha Carine Wallauer.

2º Lugar- Diego saldiva [ Gigantes ]

3º Lugar- Carine wallaver [O vario de um espelho ]

O trabalho ganhador do Prêmio Paraty em Foco na categoria Multimídia, 27 anos, 16 horas, de Camila Eiras Marchon, é resultado de uma série de trechos gravados as 16 horas de todos os dias em que teve 27 anos, de 10 de maio de 2011 a 10 de maio de 2012, narrando os acontecimentos do presente. O vídeo também abre caminho para a discussão sobre as múltiplas formas de representação e autorrepresentação na era dos dispositivos, tema do festival deste ano.

1º Lugar 27 anos, 16 horas, de Camila Eiras Marchon

2º lugar foi para o trabalho [Volto logo/Be right back], de Ângelo Manjabosco

3º lugar foi para o trabalho O Marketing do fotógrafo e professor universitário Tiago Coelho

Parabéns aos ganhadores e a todos os participantes da Convocatória e do Prêmio Paraty em Foco 2015!